Conforme a última atualização do Ministério da Saúde, divulgada nesta sexta-feira (7), o Brasil registrou, nas últimas 24 horas, 1.079 mortes por coronavírus. Com isso, o total de óbitos chega a 99.572. O país registra ainda, desde o início da pandemia, um total de 2.962.442 casos confirmados da doença. Nas últimas 24 horas, foram contabilizados 50.230 novos infectados. Outros 794.476 pacientes estão em acompanhamento e 2.068.394 pessoas são consideradas recuperadas. Na iminência da chegada a 100 mil vidas brasileiras perdidas pelo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) atacou prefeitos e governadores que adotaram medidas de restrição de circulação por período prolongado como forma de diminuir o contágio por covid-19. 

Na referência ao Rio Grande do Sul, afirmou que a doença está se propagando de forma mais acelerada no Estado. 

— Ficou fechado por quatro meses e arrebentou a economia do Rio Grande do Sul. Vai ficar mais quatro meses agora? — questionou.

A declaração foi feita em transmissão ao vivo em sua conta no Facebook sobre os dados de emprego divulgados nesta quinta-feira (6), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que mostraram perda recorde de 8,876 milhões de pessoas ocupadas no mercado de trabalho entre abril e junho. 

Deixe seu Comentário